COMPARTILHE
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus

A distribuição interna de imagens médicas e a agilidade em situações de emergência

Por Pixeon em 5 de Março de 2015

Quando falamos de procedimentos médicos, muitas vezes, agilizar processos pode ser sinônimo de salvar vidas. A distribuição interna de imagens médicas é um exemplo de uma ferramenta importante para agilizar processos na prática da medicina moderna. As imagens médicas permitem uma forma de visualização não-invasiva e também auxiliam no monitoramento de tratamentos e no planejamento de cirurgias.

 

Entretanto, o uso de múltiplas modalidades de diagnósticos por imagem em um único ambiente produz uma enorme quantidade de imagens médicas o que pode tornar o armazenamento, a distribuição e a manipulação um processo penoso, se a instituição de saúde não utilizar um sistema de PACS (Picture Archiving and Communication System).

 

O PACS é um sistema de arquivamento e comunicação voltado para o diagnóstico por imagem que permite a distribuição interna de imagens médicas em formato digital, para qualquer setor do hospital ou clínica, que tornam mais ágil o processo e funcionam baseados em quatro subsistemas:

 

1. Aquisição: no momento da execução do exame, as imagens são armazenadas automaticamente no sistema, relacionadas ao cadastro do paciente.

 

2. Exibição: assim que o procedimento é executado, o médico radiologista responsável já tem acesso às imagens, que podem ser facilmente manipuladas pelo sistema.

 

3. Disponibilização: para ter acesso a essas imagens, o radiologista pode acessar o sistema de um terminal interno da instituição ou de um dispositivo pessoal, remotamente. Esse acesso remoto é crucial na interpretação de imagens em situações de emergência ou internação que necessita de agilidade e rapidez para dar sequência ao tratamento

 

4. Armazenamento de Imagens: com a utilização de um sistema PACS, a distribuição interna de imagens médicas torna-se muito mais organizada e é possível ter acesso a todo o histórico de imagens de cada paciente da clínica, o que possibilita a comparação com exames anteriores, o que garante a assertividade do diagnóstico.

 

 

Todas essas facilidades de acesso a imagens em todos os setores do hospital ou clínica têm como vantagem não só a redução de custos com revelações de películas ou gravações em CD, mas a rapidez e garantia de qualidade na interpretação dos exames. Em casos de emergência ou internação hospitalar, a distribuição interna das imagens médicas é um facilitador para o médico e demais profissionais da saúde que estão acompanhando o paciente.

 

 

O sistema PACS pode ser acessado de forma rápida e fácil, de qualquer terminal do hospital, o que possibilita navegação intuitiva e permite a entrega rápida de resultados. Há também a integração com RIS e HIS, que evita erros de manuseio e transporte, garantindo a segurança dos dados. A disponibilidade de uma aplicação deste tipo fornece ao corpo clínico responsável pelas condições de monitoramento remoto do estado do paciente auxílio na tomada de decisões.

 

 

Assim, a implantação de um sistema de arquivamento e comunicação de imagens (PACS), que otimiza a distribuição interna de imagens médicas, é crucial para agilizar processos em situações de emergência e urgência dentro de hospitais e clínicas.

 

 

Quer saber mais sobre a distribuição interna de imagens médicas e como a utilização do PACS contribui em situações emergenciais? Entre em contato com a nossa equipe.

COMPARTILHE
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus

Comentários

Veja também

Acompanhe as novidades sobre nossos produtos e novas parcerias

Inteligência artificial na saúde: aplicações na Radiologia

Inteligência artificial na saúde: aplicações na Radiologia

  O termo inteligência artificial (IA) refere-se à ciência e capacidade de programar habilidades cognitivas às máquinas, computadores. Como em muitos filmes de ficção científica que assistimos, computadores dotados de IA são capazes de realizar tarefas antes apenas desempenhadas pelo […]

Como está a saúde no Brasil no atual panorama econômico?

Como está a saúde no Brasil no atual panorama econômico?

Não há apenas uma forma de avaliar a saúde no Brasil. Há diversas variáveis que podem e devem ser levadas em consideração. Falar sobre crise, por exemplo, está bastante relacionado com uma combinação entre o cenário do produto interno bruto […]

Acompanhe a Pixeon. Leia mais notícias