COMPARTILHE
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus

Sistema para teleconsulta: vantagens e cuidados necessários

Por Equipe Pixeon em 21 de julho de 2022

teleconsulta, Sistema para teleconsulta: vantagens e cuidados necessários

A implementação da teleconsulta no Brasil vem sendo discutida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) há anos. Essa tendência foi potencializada pela pandemia da Covid-19, possibilitando que populações em locais remotos do Brasil tivessem acesso a serviços de qualidade em saúde e não ficassem sem assistência no período pandêmico.

Além disso, o contexto de isolamento social da pandemia também impulsionou a prática, de modo a manter a segurança dos profissionais envolvidos e a evitar sobrecarregar os pronto-atendimentos com pacientes que estavam com sintomas leves da doença. A Portaria nº 467, de março de 2020, regulamentou todas essas questões.

Cerca de dois anos depois, em maio de 2022, uma nova resolução do CFM – a Resolução 2.314 – atualizou os termos da teleconsulta para regulamentar as formas de prestar assistência médica a partir de tecnologias mais modernas para atendimento remoto. A resolução atual reforça, entre outras questões, a cautela com a segurança dos dados dos pacientes.

Além disso, outros aspectos contemplados na normativa são o desenvolvimento de tecnologias digitais que aprimoram a realização das teleconsultas, o cumprimento da ética profissional no ambiente virtual e a necessidade de promover uma estreita relação médico-paciente no atendimento remoto.

Podemos dizer que a atualização das normas da teleconsulta dialoga com o cenário de expansão dessa prática no Brasil e no mundo, que vai muito além do contexto da pandemia. Hoje em dia, já se sabe dos diversos benefícios que a telemedicina em geral traz tanto para as equipes médicas quanto para os pacientes em si.

No entanto, para uma prática bem-sucedida, é essencial contar com recursos tecnológicos adequados, que garantam a segurança e a eficiência deste modelo remoto de atendimento. É disso que falaremos neste conteúdo, explicando os benefícios da teleconsulta e como se adaptar a esse cenário de forma segura e funcional. Vamos lá!

 

Benefícios da teleconsulta para as instituições de saúde

Vimos que o contexto de pandemia potencializou a prática da telemedicina no Brasil e no mundo, fazendo dessa tendência algo que veio para ficar. A chegada da tecnologia 5G é outro fator que impulsiona essa prática, pois permite maior conectividade de redes, o que é fundamental para uma teleconsulta estável e livre de delays. A seguir, listamos os principais benefícios associados a esse cenário.

Antes disso, que tal aproveitar nosso e-book gratuito para entender como se deu a virada para a teleconsulta? Acesse o conteúdo e veja tudo o que você precisa saber para adotar de vez esse modelo de atendimento!

Sistema para teleconsulta: vantagens e cuidados necessários

 

Flexibilização da rotina dos médicos e pacientes

Ao contrário do que se imagina, o médico não precisa mudar toda a sua rotina para atender pacientes via teleconsulta. É possível manter, por exemplo, um modelo híbrido, atendendo os pacientes presenciais e, eventualmente, pacientes via teleconsulta, sem precisar se deslocar do consultório.

Ou ainda, o médico pode disponibilizar a agenda em alguns períodos para atender somente via teleconsulta. Essa flexibilização da agenda é igualmente vantajosa para os pacientes, tendo em vista que assim eles poderão escolher a melhor modalidade de atendimento, considerando questões como o próprio horário de trabalho, entre outras.

 

Economia de tempo e redução de deslocamentos

Com os atendimentos sendo realizados por teleconsulta, há uma enorme economia de tempo para o médico, uma vez que o intervalo entre uma consulta e outra é significativamente reduzido. Além disso, o médico tem a oportunidade de atender pacientes que residem em diferentes localidades, sem precisar se deslocar.

Essa é uma facilidade que beneficia também os pacientes, proporcionando a chance de se consultarem com especialistas que não estejam acessíveis por conta da distância. Ou seja, a teleconsulta é uma forma de democratizar o acesso dos pacientes a profissionais com os quais eles teriam muitas dificuldades de se consultarem presencialmente.

 

Segurança e agilidade nos atendimentos

Com a economia de tempo gerada pela ausência de deslocamento, a tendência é que os atrasos nas consultas sejam bem menos frequentes. Além da agilidade nos atendimentos, outra vantagem da teleconsulta é a segurança dos envolvidos, considerando-se que as instituições de saúde configuram ambientes de alto risco para pacientes mais vulneráveis, por exemplo.

Outro diferencial da teleconsulta nesse sentido é quanto à segurança e à integridade das informações compartilhadas, já que o fato de a consulta ocorrer em uma plataforma de atendimento remoto permite a gravação da videochamada. Além disso, há outras vantagens como a anexação dos arquivos junto ao prontuário eletrônico do paciente, de modo a facilitar o acesso das equipes na avaliação dos quadros clínicos.

 

Otimização dos processos hospitalares

O atendimento via teleconsulta também é uma forma muito inteligente de otimizar os processos hospitalares, desafogando a rotina corporativa e dando fluidez ao trabalho das equipes médicas e demais colaboradores. Um exemplo é a facilidade na troca de informações com vários especialistas, permitindo que os médicos adquiram uma segunda opinião a partir da avaliação de um mesmo exame por outro especialista.

Destacamos ainda que o processo de teleconsulta gera uma série de indicadores de saúde que ficam armazenados nos sistemas de atendimento remoto. Assim, é possível compilar uma ampla base de dados ricos dos pacientes, a qual poderá ser utilizada para aprimorar os diagnósticos, agilizar os encaminhamentos e melhorar a experiência do paciente em geral.

Quer saber mais sobre o assunto? Acesse este conteúdo e entenda como a teleconsulta vem transformando a experiência de atendimento para médicos e pacientes!

Sistema para teleconsulta: vantagens e cuidados necessários

 

Cuidados necessários para atendimento via teleconsulta

Com o surgimento da teleconsulta, os fluxos de hospitais e centros de saúde mudam bastante. No entanto, não basta apenas contar com sistemas tradicionais para viabilizar as videoconferências. Ou seja, existem outros fatores envolvidos que precisam ser atendidos.

Nesse sentido, é essencial contar com tecnologias adequadas, que ofereçam uma série de recursos para o médico realizar o atendimento com eficiência e segurança. Sobretudo tendo em vista a Lei Geral de Proteção de Dados, que aborda, entre outros temas, o direito do paciente de decidir quanto ao uso e tratamento de seus dados pessoais.

Sendo assim, mais do que proporcionar uma videochamada, é importante que a solução para atendimento via teleconsulta contemple as demais etapas do processo, como as listadas abaixo:

  • Agendamento e pagamento facilitados: o sistema para teleconsulta deve permitir o envio dos documentos do paciente para a instituição de saúde, com agendamento fácil e otimizado. A plataforma também precisa viabilizar o pagamento da consulta de forma segura e imediata;
  • Elegibilidade do paciente online: é essencial que a tecnologia facilite a validação dos documentos do paciente, confirmando que ele está apto a realizar a consulta;
  • Confirmação do paciente: a confirmação de que o paciente agendado é, de fato, o que está sendo assistido é outra funcionalidade que o sistema em questão deve permitir, de modo a garantir a segurança da operação;
  • Prontuário eletrônico inteligente: a teleconsulta exige que o prontuário eletrônico funcione de maneira inteligente e integrada. Afinal, o médico realizará todos os registros e anotações enquanto atende o paciente, tal como na consulta presencial.

Para contemplar todos esses aspectos, o ideal é contar com um sistema integrado que garanta a conversação por vídeo com o paciente junto à tela do prontuário eletrônico, ou seja, um layout de videochamadas específico para profissionais de saúde.

 

Sistema TeleConsulta Pixeon apoia profissionais no atendimento à distância

Ao longo do conteúdo, vimos que a teleconsulta não é como uma chamada de vídeo convencional. De modo a garantir a conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados e proporcionar uma experiência satisfatória para médicos e pacientes, é fundamental contar com um sistema inteligente desenvolvido por quem entende do assunto. 

Para apoiar os profissionais na adoção da teleconsulta e no cuidado com os pacientes, nós da Pixeon possuímos um sistema com ferramentas específicas para a realização de teleconsulta. A solução foi desenvolvida a partir das principais necessidades dos médicos que atendem à distância e precisam de um sistema seguro e ágil para implementação desse novo modelo de atendimento.

 A nossa maior preocupação foi consolidar uma plataforma personalizada e inovadora, que atendesse às necessidades das instituições de saúde de forma ampla e efetiva, priorizando fatores como:

  • Agendamento otimizado da teleconsulta; 
  • Garantia da elegibilidade do paciente;
  • Segurança para médicos e pacientes;
  • Solicitação de exames online;
  • Integração com o prontuário eletrônico;
  • Prescrição de medicamentos, integrações com a farmácia, entre outros.

Todos esses recursos estão disponíveis em uma única plataforma, o sistema de gestão para clínicas e hospitais da Pixeon, que oferece ainda outros benefícios para organizar e estruturar o dia a dia dos profissionais de saúde que atendem à distância.

Quer saber mais detalhes do nosso sistema de teleconsulta? Baixe nosso e-book gratuito e entenda como eliminar os empecilhos da distância com uma teleconsulta eficiente!

Sistema para teleconsulta: vantagens e cuidados necessários

COMPARTILHE
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus

Comentários