COMPARTILHE
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus

Como organizar a farmácia hospitalar com um sistema para armários

Por Natacha Chaves em 11 de novembro de 2019

A gestão de materiais e medicamentos na farmácia hospitalar é um dos processos que mais impactam na segurança do paciente e na administração dos custos de um hospital.

Garantir que os processos estejam alinhados e que a dispensação seja feita de maneira eficiente é um grande desafio. Sem os controles adequado, aumentam os riscos para os pacientes e os prejuízos financeiros.

A gestão de materiais e medicamentos na farmácia hospitalar é um dos processos que mais impactam na segurança do paciente e na administração dos custos de um hospital. Garantir que os processos estejam alinhados e que a dispensação seja feita de maneira eficiente é um grande desafio. Sem os controles adequado, aumentam os riscos para os pacientes e os prejuízos financeiros.

Para organizar a farmácia hospitalar de forma eficiente é possível utilizar tecnologias para o controle e gestão. Veja como neste artigo!

Quais são os desafios enfrentados na gestão da farmácia hospitalar e como solucioná-los?

Os desafios da gestão farmacêutica em um hospital são inúmeros, desde a compra de medicamentos, controle de estoque, fracionamento, controle de dispensação, ressuprimento e por aí vai. A farmácia exerce um papel importantíssimo, que afeta não só os custos, mas também a segurança do paciente e dos profissionais envolvidos na assistência.

A adoção de tecnologias que automatizam cada vez mais os controles no momento da dispensação dos medicamentos, podem ser uma medida para tornar a gestão dos medicamentos cada vez mais eficiente.

Ferramentas para organizar a gestão da farmácia

Todas as informações são registradas e rastreadas pelo sistema, inclusive sobre o responsável pela liberação dos medicamentos. Com isso, além de garantir maior segurança para o paciente, o controle de estoque e rastreabilidade dos lotes são mais eficientes. 

Os sistemas de gestão permitem um maior controle dos medicamentos e de sua dispensação, melhorando a rastreabilidade e reduzindo possíveis falhas, como a administração incorreta de medicamento ou trocas por nomes semelhantes. Conheça algumas ferramentas e seus recursos:

Sistema para gestão hospitalar

O uso de um sistema de gestão ajuda a reduzir os riscos de erros em prescrições médicas. A integração das informações permite a consulta de forma transparente e fácil. Por meio desses dados, o farmacêutico consegue avaliar quais são os medicamentos que o paciente precisa e suas dosagens. O farmacêutico também é notificado, pelo sistema, em caso de interação medicamentosa. Dessa forma, evita-se que uma combinação indevida de medicamentos seja realizada. 

Armário de dispensação eletrônica

Integrado ao HIS, o uso de um armário eletrônico aumenta a segurança da farmácia hospitalar. O sistema controla o acesso aos medicamentos e materiais médicos do departamento, por meio de biometria ou com um leitor de código de barras. Isso garante que apenas os profissionais autorizados terão acesso ao local. Caso, algum desvio seja identificado é possível rastrear o usuário que acessou o sistema e retirou o insumo do local. 

O sistema de armário eletrônico conta com um recurso de gerenciamento que permite a dispensação dos itens de acordo com o compartimento. Assim não é necessário abrir todo o armário para fazer a retirada de um único item, o que reduz o risco de retiradas indevidas, feitas por outro usuário, enquanto o armário está em uso. Outra vantagem é o que sistema controla seu próprio inventário e emite relatórios gerenciais que podem ser acessados online. Essa opção facilita a gestão a distância, permitindo que o profissional responsável faça o acompanhamento ou a conferência mesmo se estiver em outro departamento.

Durante o treinamento de novos profissionais, ou em outras situações, é possível criar ainda regras de perfil de usuário e registro fotográfico para o acesso ao equipamento. Além disso, o sistema pode ser totalmente integrado com outros softwares de gestão hospitalar, sincronizando as informações e reportando em tempo real o consumo no setor.

Para resumir…

O uso das tecnologias na gestão da farmácia hospitalar ajuda a reduzir os custos no departamento, pois diminui o desperdício, torna o processo de solicitação e compra de materiais médicos e medicamentos mais eficiente, respeitando o tempo e a necessidade da organização. A rotina de reposição, armazenamento e dispensação dos recursos passa a ser feita de forma digital, o que garante que os itens serão rastreados e será possível identificar os responsáveis pelas retiradas, bem como seu uso e destino. 
O uso do sistema de gestão e de segurança para armários impede os desvios e o uso indevido dos recursos médicos.

Saiba mais sobre como potencializar a administração da farmácia hospitalar.

COMPARTILHE
  • Linkedin
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus

Comentários

Veja também

Acompanhe as novidades sobre nossos produtos e novas parcerias

Inovação em saúde: hospital 4.0, IA, e outras tendências

Inovação em saúde: hospital 4.0, IA, e outras tendências

A inovação em saúde está evoluindo em diferentes aspectos. A relação com a tecnologia tem proporcionado resultados substanciais no desenvolvimento de soluções avançadas para que a identificação de doenças seja feita de forma ainda mais rápida, assim como a cura […]

Quiz para clínicas: quais os diferenciais da sua instituição?

Quiz para clínicas: quais os diferenciais da sua instituição?

Oferecer um atendimento humanizado não deveria ser um diferencial das clínicas de saúde. Entretanto, a escassez desse fator tão fundamental tem feito com que algumas clínicas se destaquem por pensar no paciente de forma humana. Você sabe quais são os diferenciais que destacam a sua organização? Descubra no quiz para clínicas.

Acompanhe a Pixeon. Leia mais notícias